Carnaval do Rio terá projeto piloto entre Prefeitura e Governo Federal

Com a finalidade de viabilizar as obras e desenvolver um plano de segurança na folia, o prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, e o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, acertaram uma inédita parceria com a promessa de realizar o melhor Carnaval da história em 2020

Foto Capa: Alexandre Macieira | Riotur 

O Carnaval do Rio, em 2020, será o projeto-piloto de uma força tarefa que será adotada entre Prefeitura e Governo Federal. A ideia é expandir o projeto para as principais capitais do País que possuem grandes festas com as mesmas características. Com foco nas demandas urgentes, como a reforma no Sambódromo, haverá aumento na segurança durante os dias de festa, e assim, aumentar a força turística do Carnaval.

De acordo com o secretário municipal de Ordem Pública, Gutemberg Fonseca, que também esteve no encontro, são necessários R$8 milhões para as obras emergenciais, que serão finalizadas até janeiro. Segundo ele, o plano de segurança vai cobrir todo o chamado “cinturão turístico”, com câmeras, inclusive de reconhecimento facial. Haverá agentes treinados na análise deste tipo de imagem, utilizando também as câmeras de ruas do Centro de Operações (COR-Rio) e da CET-Rio.

Em nota no final de outubro, a RioTur divulgou que a reforma no Sambódromo terá um cronograma de execução rígido e o término previsto até o Carnaval 2020. As obras serão executadas por empresas licitadas pelos órgãos municipais envolvidos na operação e preveem mudanças na estrutura do aparelho, incluindo melhorias nas arquibancadas, sistemas elétrico e pluvial, combate a incêndio e pânico e gradeamento dos setores, entre outros.

“Estive com o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, para tratarmos de assuntos do Carnaval e da segurança dos nossos foliões e turistas. Agradeço o apoio que temos recebido do Governo Federal, que nos garantiu uma festa ainda mais segura e com apoio estrutural necessário para que sejam dias de muita alegria para o povo. Seguimos buscando o melhor para o Rio” – comemorou o Prefeito Crivella.

Para que o projeto funcione em toda cidade, Governo e Prefeitura contará com guardas municipais treinados com um tipo específico de abordagem para prestar serviço a foliões e turistas. E também para inibir e reprimir ações criminosas nas ruas do Rio de Janeiro. Ainda este mês, Crivella receberá o ministro para acertar os detalhes desta parceria e vistoriar o sambódromo e outros pontos turísticos da cidade.

Facebook comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × três =