Desfile de escola de samba do Rio vira exposição  no Museu da Escravidão e da Liberdade.

A Escola de Samba Acadêmicos do  Cabungo, de Niterói, que homenageou  em 2018  o artista plástico Arthur do Rosário Bispo terá suas fantasias , fotos e vídeos, de seu desfile oficial exibidos, a partir de hoje (26), no museu da Escravidão e Liberdade.

A apresentação da Verde e Branco de Niterói  dedicada ao artista plástico Arthur Bispo do Rosário estará na mostra Chegança, onde retratará toda a trajetória de vida desse  “maluco beleza”, que tanto encantou o mundo das Artes. O artista  diagnosticado esquizofrênico produziu mais de mil obras consagradas no mercado internacional de Arte Contemporânea. 

Gabriel Haddad, carnavalesco da Cubango ao lado de Leonardo Bora, exalta a importância da folia para a cultura. “Acho muito importante para a Cubango, e para o Carnaval esse espaço. Não podemos deixar de considerar o aspecto educativo e cultural que a nossa festa tem.  Fazer o povo conhecer e entender pessoas relevantes, mas que não possuem tanta atenção do grande público, é uma das missões do Carnaval, principalmente sendo a Cubango uma escola de fortes raízes negras.”

A exposição ficará aberta até o dia 19 de janeiro de 2019 (de terça-feira a sábado). O Museu da Escravidão e da Liberdade fica na rua Pedro Ernesto, 80, na Gamboa, próximo à Cidade do Samba. Durante a abertura da mostra, a Verde e Branca de Niterói fará uma apresentação com seu elenco de show.

Facebook comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 4 =