Home Crônica Valeu brother mister Paulo Inglês! Siga em Paz.

Valeu brother mister Paulo Inglês! Siga em Paz.

por Valdir Sena
349 visualizações

Muitas risadas, breves e alegres prosas, gozações e momentos engraçados! Assim eram os encontros com o brother mister Paulo Inglês. Personagem impar nas noites de bohemia paulistana, festas e bares noturnos, além de ser uma figura “carimbada” em todos carnavais nos camarotes do sambódromo do Anhembi com sua máquina fotográfica a tira colo, chapéu inglês e os vários crachás de imprensa no peito.

Diga-se de passagem, um dos tradicionais personagens da ala da velha guarda de jornalistas e cronistas que cobrem o Carnaval de São Paulo. Em meio ao tempo de pandemia e o “furacão” Covid-19, o jornalista Paulo Roberto dos Santos, o “Paulo Inglês”, faleceu à noite de 27 de maio. E é mais um amigo que se vai sem se despedir e sem a gente prestar a última homenagem.

Dono de um estilo característico e inconfundível, Paulo Inglês foi celebridade típica nos encontros, festas e vários bailes da raça negra de São Paulo. No Aristocrata Clube (tradicional clube de elite da sociedade negra paulista) desde a década dos anos 70. Por lá, através do seu intermediário domínio do idioma inglês, era uma espécie de relações sociais do clube ciceroneando artistas internacionais como Ray Charles, Billy Paul, Ela Fritzgerald, Aretha Franklin, Tina Turner, James Brown, Steve Wonder, boxador Cassius Clay entre outros. Além de muitos artistas brasileiros como Wilson Simonal, Jorge Bem Jor, Augustinho dos Santos, Zé Keti, Noite Ilustrada e outros.

As noites da bohemia paulistana, perdeu o seu principal fotografo. Não serão as mesmas, pois ficou mais pobre sem a marca tradicional do brother mister Paulo Inglês! Porém, como sugerem muitos jornalistas da antiga e personagens de destaques da negritude paulistana e do cenário dos redutos das escolas de samba, a vida e a trajetória do Paulo Inglês merece um livro para permanecer na memória.

  • A última vez em que nos falamos, foi após a apuração das notas das escolas de samba do Grupo de Acesso 1 do Carnaval 2020: “Ainda bem que os pretos já tem o seu lugar de volta no Carnaval de 2021”, disse Paulo Inglês em tom de comemoração depois da vitória da escola de samba Vai Vai como campeã do Grupo de Acesso.

Valeu Brother! Vá com Deus e até lá.

Valdir Sena – Jornalista, Radialista e Cronista de Carnaval.

Compartilhar isso:

Facebook comentário

0 Comentário

Deixe um comentário

Você pode gostar